RÁDIO BITURY

Postagem em destaque

PROGRAMAÇÃO FESTIVAL NO AR COQUETEL MOLOTOV 2016 - ETAPA BELO JARDIM

Apresentado pelo Instituto Conceição Moura, o festival No Ar Coquetel Molotov chega ao seu segundo ano na cidade de Belo Jardim, tra...

EVENTO; AEB - FBJ

EVENTO; AEB - FBJ

domingo, 3 de novembro de 2013

Eleições Agitada em Água Preta

 
No inicio da Tarde Juiz de Água Preta determina prisão de Eduardo Coutinho;
Coutinho diz que desconhece pedido de prisão e ataca adversário


O candidato do PSB à Prefeitura de Água Preta (Zona da Mata Sul do Estado), Eduardo Coutinho, afirmou, há pouco, estar “supreso” com a notícia de que há uma determinação judicial pela sua prisão em flagrante por prática de campanha. De acordo com o juiz Carlos Montenegro, do fórum local, o socialista foi flagrado promovendo um arrastão por volta do meio-dia deste domingo (3), data em que se realiza a eleição suplementar do município.
“Isso [a determinação] para mim é novidade. Quem está me trazendo essa informação são vocês da imprensa. Mas eu adianto que estou com a consciência tranquila. Nós saímos à rua hoje para votar e para defender nossa militância, que estava sendo covardemente agredida pelo laranja [cor de campanha do seu adversário, o pedetista Armando Souto]”, disse Coutinho.
O socialista fez questão de ressaltar que prezou, desde o início, por uma campanha limpa,  “focada apenas na minha história política e na força do meu palanque”. “Tenho 32 anos de história à serviço da população de Água Preta. Fui vereador, prefeito por três mandatos e foi por isso, em reconhecimento ao meu esforço como pessoa pública, que trouxe mais de 10 prefeitos para o meu palanque, além de diversos secretários estaduais, deputados e até o ex-ministro [da Integração Nacional] Fernando Bezerra Coelho”.
Ao final da conversa, Eduardo Coutinho, que se disse inclusive agredido por pedradas por parte da militância adversária, pediu mais atenção do Ministério Público com relação àquele a quem chamou de “um dos maiores sonegadores de impostos do estado”.

“Como é que Armando Souto ostenta grandes carros e um maquinário de alto custo e declara para a Receita Federal singelos R$ 38 mil? O poder público precisa averiguar a conduta fiscal deste que pretende ser o novo prefeito de Água Preta”, concluiu.


Juiz de Água Preta determina prisão de Eduardo Coutinho












Juiz do Fórum de Água Preta, Carlos Montenegro determinou, há pouco, a prisão do candidato do PSB à prefeitura do município, Eduardo Coutinho. De acordo com o magistrado, o socialista foi flagrado pela militância do oposicionista Armando Souto (PDT) promovendo caminhadas durante este domingo (3), data das eleições suplementares da cidade.

“A ordem foi clara: se as autoridades encontrarem Eduardo Coutinho fora de casa, devem trazê-lo imediatamente para este fórum para ser autuado em flagrante. A lei é igualmente clara quando proíbe qualquer atividade de cunho eleitoreiro fora do prazo estipulado pelos órgãos responsáveis. Tenho em mãos material que mostra o candidato Eduardo Coutinho promovendo arrastão em pleno dia de eleição”, disse Montenegro.
Agentes da Polícia Civil e da Polícia Federal iniciaram as buscas pelo socialista. Questionado sobre o que poderia acontecer caso as autoridades encontrem o candidato, o juiz afirmou que, de pronto, ele pode ficar detido até o pagamento de fiança. “Se ele vai cumprir pena em reclusão ou se vai prestar serviços à comunidade vai ser resolvido depois. Mas caso se recuse a pagar fiança, ficará detido”, finalizou.

Blog do Magno

Nenhum comentário:

Postar um comentário