RÁDIO BITURY

Postagem em destaque

PROGRAMAÇÃO FESTIVAL NO AR COQUETEL MOLOTOV 2016 - ETAPA BELO JARDIM

Apresentado pelo Instituto Conceição Moura, o festival No Ar Coquetel Molotov chega ao seu segundo ano na cidade de Belo Jardim, tra...

EVENTO; AEB - FBJ

EVENTO; AEB - FBJ

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Manifestantes bloquearam a BR-232 em Belo Jardim

 Por volta das 17h desta segunda (11/11), manifestantes fecharam a BR 232 em Belo Jardim, o ato é pra reivindicar duas passarelas e quebra-molas no perímetro urbano, na via que vai da entrada da prainha do Ipojuca até o trevo, o local mais critico é a entrada que da acesso ao Bairro Frei Damião, os moradores reclamam da falta de segurança na travessia da BR que muito perigoso e vem acontecendo vários acidentes no local, causa principal dos protestos.
Os moradores do Frei Daminhão e Viana e Moura que ficam no outro lado da BR se reuniram e fizeram cinco barreiras com pneus e galhos de arvores colocaram fogo e fecharam a BR em forma de protestos, em menos de uma hora mais de cinco km de congestionamento sentido Caruaru, já no outro lado sentido sertão não passou de um km, os motoristas tentando desviar o blonqueio entraram na cidade, com isso a cidade está quase parada porque existe outro bronqueio no Trevo que dá acesso a faculdade deixando todos sem saída.
Bombeiros, Policia Militar e Rodoviária Federal já estão no local, aguardando a chegada de algum representante do governo para uma negociação pra depois a liberação da BR. A PRF informou que já entrou em contato com a imprensa e DNIT – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte. Mas passados mais de duas horas e nenhuma representação do Governo apareceu.
Em conversa com o Sr. José Edvaldo, 54 anos uma das lideranças do movimento, o mesmo informou que só vai liberar quando aparecer alguém que se comprometa em atender as reivindicações. por que do jeito que esta não pode mais continuar, Varias pessoas foram atropeladas nessa via tentando atravessar, houve até mortes, Sr. Edvaldo falou que sua esposa está internada no Recife vitima de acidente no local à 16 dias a traz, outro manifestante falou que no horário de meio dia quando saem das escolas varias crianças se arriscam  ao atravessar a BR.
Os manifestantes estão dispostos em permanecer no local até serem atendidos, comentaram que podem passar um, dois dias até mais, e caso depois de algum acordo, esse mesmo acordo não for cumprido eles voltaram a bloquear a BR novamente.




José Edvaldo
 A lombada eletrônica do local está desligada

Nenhum comentário:

Postar um comentário