RÁDIO BITURY

Postagem em destaque

PROGRAMAÇÃO FESTIVAL NO AR COQUETEL MOLOTOV 2016 - ETAPA BELO JARDIM

Apresentado pelo Instituto Conceição Moura, o festival No Ar Coquetel Molotov chega ao seu segundo ano na cidade de Belo Jardim, tra...

EVENTO; AEB - FBJ

EVENTO; AEB - FBJ

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Belo Jardim Terra de Ninguém

Matéria publicada no Diário de Pernambuco na data de Terça Feira, 16/04/2013, no caderno vida urbana, C2 escrito por LUCE PEREIRA. Diz o seguinte:
Terra de Ninguém
No dia 26 de marco, a coluna publicou denuncia contra a transformação do exuberante Rio Bitury(Belo Jardim, agreste) em esgoto extremamente poluído. Ontem, a agencia estadual de Meio Ambiente(CPRH) informou que, após vistoria, fez chegar a prefeitura a intimação de numero 00217/2013. Pela nota, a resposta da Sec. De Infraestrutura do município seria que se prontificava a verificar as fontes de recursos disponíveis para a proposição de medidas que sanem e evitem o lançamento de esgoto bruto diretamente no rio. Noutro trecho que desenvolve projetos para buscar recursos junto ao Gov. Federal e que a coleta sólidos na zona urbana esta sendo reformulada. A noticia enviada pela CPRH e boa, mas seria melhor se tivesse dito que impôs prazos para as providencias e que voltará periodicamente a cidade para cobrá-las. Já a sec. Deu a resposta ideal para parar de ser incomodada com o assunto, dado que faz parte de uma gestão não qual(durante o primeiro mandato) o problema se agravou muito. A que terminou em dezembro, por sua vez, não moveu uma palha, o que significa que, no município, respeito ao meio ambiente é uma piada. Coincidentemente, cartas a coluna deram, ontem, o tom de abandono nessa área, ao denunciar que os matadouros industriais da cidade jogam vísceras e carcaças dos animais abatidos onde antes passava o rio. O resultado e, também, que o olfato da população de bairros como ponte nova e Santo Antonio não consegue fugir do ar quase irrespirável, em algumas horas do dia. Tão sentido foi o apelo desses leitores, que a partir de agora a coluna vai acompanhar o comportamento da CPRH em relação ao assunto. Visto que Belo Jardim e quase uma terra de ninguém, pelo descaso dos gestores, o certo e considerar que o trabalho da companhia, lá, nem começou.





Nenhum comentário:

Postar um comentário