RÁDIO BITURY

Postagem em destaque

PROGRAMAÇÃO FESTIVAL NO AR COQUETEL MOLOTOV 2016 - ETAPA BELO JARDIM

Apresentado pelo Instituto Conceição Moura, o festival No Ar Coquetel Molotov chega ao seu segundo ano na cidade de Belo Jardim, tra...

EVENTO; AEB - FBJ

EVENTO; AEB - FBJ

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Vereadores Brigam Durante Sessão e seus Mandatos são Suspenso por 30 Dias sem Remuneração


Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, através de sua Mesa Diretora vem a público lamentar o fato ocorrido na noite desta terça (08) durante a 10ª reunião ordinária onde os vereadores Deomedes Alves de Brito e José Bezerra da Costa quebraram o decoro parlamentar se agredindo verbalmente com palavras de baixo calão que não condizem com a postura de representantes do povo. Por isso, a Mesa Diretora resolve suspender por 30 dias, através de Portaria nº 068/2013, publicada nesta data, sem percepção de qualquer remuneração.
Esperamos que tal medida sirva de exemplo para todos os vereadores, que a população continue acreditando e prestigiando os trabalhos desenvolvidos pela atual Mesa Diretora e que fatos dessa natureza não venham a ser repetidos no ambiente interno da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe.
Santa Cruz do Capibaribe, 09 de outubro de 2013.
Antônio Gomes Bezerra Júnior
Presidente
FONTES: Blog Opinião e Sulanca News
Junior Gomes suspende mandato de Zé Minhoca e Deomedes Brito por 
30 dias, sem remuneração!


A medida aliviará a revolta da opinião pública em relação ao ocorrido na noite de ontem em reunião da câmara.  

Baixaria anunciada: “Corno”, “Fresco”, “Analfabeto”

Zé Minhoca e Deomedes Brito por pouco não brigam em reunião da câmara

A reunião da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe desta terça feira, dia 8, ficará marcada pela baixaria de dois dos seus representantes.

Por pouco, os vereadores Zé Minhoca da situação e Deomedes Brito da oposição, não transformaram a “Casa” de Lei em campo de luta. Os dois entraram em discussão pesada em um dos corredores e agressões verbais foram trocadas, levando os companheiros a intervirem para que os dois não entrassem em luta corporal.
Palavras de baixo calão foram usadas: “Fresco”, “Analfabeto” e “Corno”, chegaram a ser pronunciadas pelo vereador Zé Minhoca, segundo testemunhas da briga.

Uma baixaria anunciada, tendo em vista que o presidente do Legislativo Júnior Gomes vem de muito tempo permitindo quebra de decoro parlamentar no uso da tribuna.

A origem da confusão aconteceu quando os vereadores discursaram na tribuna. O vereador Zé Minhoca desqualificou Deomedes afirmando que o mesmo não sabia ler e não estava preparado para o cargo, segundo o blogueiro Emanoel Glicério.
Ao sair do plenário o vereador Zé Minhoca foi seguido por Deomedes e nos corredores a confusão se instalou. Com a chegada de um batalhão de vereadores e funcionários a briga foi suspensa e reunião também.   (Imagens Marcondes Moreno)

Nenhum comentário:

Postar um comentário