RÁDIO BITURY

Postagem em destaque

PROGRAMAÇÃO FESTIVAL NO AR COQUETEL MOLOTOV 2016 - ETAPA BELO JARDIM

Apresentado pelo Instituto Conceição Moura, o festival No Ar Coquetel Molotov chega ao seu segundo ano na cidade de Belo Jardim, tra...

EVENTO; AEB - FBJ

EVENTO; AEB - FBJ

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Deputado Júlio Cavalcanti PTB convoca união de forças políticas para a retomada das obras da Transnordestina

O deputado estadual Júlio Cavalcanti (PTB) convocou as forças políticas para a retomada das obras da Transnordestina, suspensas na última quinta-feira (29), em virtude da rescisão de contrato entre a empreiteira Norberto Odebrecht e a Transnordestina Logística S.A. “Venho a essa tribuna, na tarde de hoje, fazer um apelo à presidenta Dilma Roussef e convocar uma união de forças políticas para a retomada das obras da Transnordestina, uma ferrovia de extrema importância para o Nordeste”, discursou Júlio Cavalcanti.


Na ocasião, o deputado ainda reiterou a importância e a necessidade de um investimento em infraestrutura, com a continuidade de obras, como a Transnordestina e também a duplicação da BR-232. “Para que o interior de nosso Estado experimente o desenvolvimento que vem tendo a região metropolitana é preciso que se invista pesado em infraestrutura, na qualificação continuada das pessoas e em projetos voltados para essa região”, disse Júlio Cavalcanti.
Ferrovia - A paralisação das obras da Transnordestina, em razão da quebra do contrato entre a empreiteira Norberto Odebrecht e a Transnordestina Logística S.A., foi divulgada pelo ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho. Com a saída da Odebrecht a entrega dos 1.728 quilômetros de trilhos volta para a estaca zero. “Minha preocupação com essa rescisão contratual é que o cronograma da obra, iniciado em 2006, seja ainda mais esticado. O último relatório do Programa de Aceleração do Crescimento, divulgado em junho, mostrava que tinham sido concluídos 96 de um total de 1.728 quilômetros de trilhos. Com a paralisação da obra fica comprometido também o emprego de milhares de trabalhadores”, ressaltou o deputado.
O projeto da Transnordestna intenciona elevar a competitividade da produção agrícola e mineral da região com uma logística que une uma ferrovia de alto desempenho e portos que podem receber navios de grande porte. São 1.728 quilômetros de trilhos, cortando 80 cidades do Piauí, Ceará e Pernambuco. A Transnordestina parte do município de Eliseu Martins, no Piauí, até Salgueiro, no Sertão pernambucano. É em Pernambuco onde haverá a conexão de dois ramais, que seguem até os portos de Pecém no Ceará, e de Suape, no nosso estado.
 Informativo PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário